Você pagaria um sorvete para um desconhecido?

kibon-corrente-felicidade
Dizem que nós, seres humanos, somos egoístas…” e que não ligamos para nada que ultrapasse o nosso próprio umbigo. Pois bem, esta criativa e humana ação da Kibon fez com que, através de uma “corrente da felicidade” – offline, daquelas que realmente acontece, provou que, apesar dos pesares, o ser humano pode ser incrível quando quer.

Com uma dinâmica muito simples, a ação ‘Corrente da felicidade‘ foi executada em diferentes países, como México, Venezuela, Equador e Brasil. Onde inúmeras câmeras escondidas foram distribuídas em lojas de conveniência para flagrar um gesto que, infelizmente, tem se tornado cada vez mais incomum: o de ‘pensar no próximo‘.

Apenas com o play, você, na certa, já vai entender todo o conceito que a New Content criou e produziu com o objetivo de, não só fazer o bem para o próximo, mas, também, de conscientizar os impactados pela boa ação; se arrisque no play:

Imagine se alguém deixasse pago algo que você estivesse prestes a pagar… você replicaria o ato de generosidade para o próximo ou pensaria no seu próprio umbigo? 97% das pessoas se mostraram bem humanas e conseguiram manter o espírito do ‘próximo’, ainda arrisco dizer que, os outros 3% que, talvez, não tenham entendido a ideia – ou simplesmente tiraram proveito da ‘ação’, podem ser, também, considerados como uma margem de erro.

kibon-corrente-felicidade-2

Afinal, com estas porcentagens em proporção global, o nosso mundo ficaria muito mais bonito e, na certa, teríamos mais boa fé sendo praticada do que tanta teoria compartilhada, não é mesmo? A marca mandou bem na ação e, sinceramente, na mensagem transmitida à todos os impactados – desde a audiência on-line até os que participaram fisicamente da brincadeira.