O namoro acabou. Ele partiu. Ela se foi. Ficaram as lembranças, talvez a saudade, uma possível melancolia e, muitas vezes, objetos do(a) ex. E aí? Joga tudo no lixo?

Em uma campanha do Exército da Salvação, realizada pela WMcCann, a ideia é outra: “Que pena que acabou. Mas já que acabou, doe.

Já que os objetos do ex não têm mais utilidade e você quer mesmo se livrar daquilo, por que não doar para alguém que precisa? A ideia da campanha, para mim, foi fantástica: transforma o Dia do ex-namorado, 18 de abril, uma data que poderia ser muito triste, em uma boa oportunidade de ajudar os outros!

Dá uma olhada no vídeo da campanha:

 E já que é comum entre muitas pessoas expor sua intimidade no Facebook ainda mais quando termina um namoro e quer alfinetar o(a) ex com indiretas aleatórias, a campanha também inclui um aplicativo da rede social em que você pode queimar, virtualmente, suas fotos com o(a) ex e compartilhar com seus amigos.

 (Se essa moda pega, a Luane que não vai gostar.)

Além disso, na fanpage do Exército da Salvação, foram disponibilizadas imagens com frases bem humoradas ironizando o ex que também podem ser compartilhadas – sempre lembrando o “já que acabou, doe”.

Olhe algumas:

Gostei da campanha porque uniu a necessidade de aumentar doações ao dia do ex-namorado de forma bem criativa e utilizando várias mídias. E você, o que achou?

Dizem que ex bom é ex morto.
Acho melhor passarmos a dizer: ex bom é ex que, indiretamente, ajuda os que precisam.  🙂

Deixe seu comentário