Todos posts de

Entenda todas as formas de anúncios do Facebook de um jeito bem didático

Utilizar anúncios do Facebook é uma prática já comum de muitas empresas para conseguir atingir consumidores. Com a rede social, as marcas conseguem ter em mãos informações dos usuários e, assim, filtrar e selecionar seu público-alvo com mais eficácia.  Mas será que você conhece todos os tipos de anúncios que podem ser feitos no Facebook?…

Ler mais

Ação chocante contra álcool e direção assusta clientes de pub

Há ações que têm tom humorístico, outras passam qualidade de vida, algumas emocionam e há, também, aquelas que, por alguma circunstância, são desenvolvidas para provocar terror  e medo. Em ação para a ONG Think!, a agência Leo Burnett britânica juntou aspectos que acredito que nós, comunicadores, deveríamos analisar e pensar se ainda vale usar ou…

Ler mais

Greenpeace choca ao falar do impacto ambiental que a Coca-Cola causa

“Nós fizemos um novo anúncio da Coca-Cola: com um ‘toque'” – diz o Greenpeace da Austrália. No início, até parece mais um comercial do refrigerante: jovens saudáveis, felizes, tomando Coca. Não demora muito e o vídeo que tinha tudo para terminar em mais um “final feliz” se torna chocante

A proposta do Greenpeace  foi alertar sobre o impacto que as garrafas plásticas (pelo jeito, principalmente as da Coca-Cola) têm sobre o meio ambiente. Segundo eles, além de as garrafas de Coca-Cola poluírem os mares e matarem os animais, a empresa estaria sendo contra uma legislação de reciclagem que está perto de ser implementada no país.

O Greenpeace está arrecadando dinheiro para exibir o vídeo na televisão.

Eu achei uma cutucada bem forte. Fiquei pensando se esses pássaros do vídeos já estavam mortos na praia, se a galera do Greenpeace ficou os arremessando próximos dos atores – bizarro.

Agora me vem a dúvida: a Coca-Cola que joga as garrafas no mar ou são as pessoas? Se a empresa é contra uma legislação que pode diminuir o impacto ambiental é uma coisa. Outra é acusá-la de sujar os mares. Mas e a responsabilidade social da companhia e sua capacidade de conscientização?

O que vocês acharam do comercial? Forte? Pagariam para ver na TV?

Ler mais

Copo Budweiser: automaticamente, cada brinde é mais um amigo no Facebook

Muitas empresas criaram formas criativas, principalmente aplicativos, para ligar, de alguma forma, sua marca ao Facebook. A Budweiser foi, digamos, um pouco mais além. Em parceria com a agência África, ela desenvolveu o “Buddy Cup”, um copo que, ao brindar, você adiciona, automaticamente, a outra pessoa no Facebook. Parece maluquice, mas é verdade. Os copos…

Ler mais

Comediantes fazem paródia com ação da Dove que mostrou a real beleza feminina

Para quem não viu, a Dove realizou uma ação que emocionou e fez muitos refletirem a respeito de como as mulheres se veem e como podem ter a autoestima baixa. Agora, o New Feelings time’s, um grupo de comediantes dos Estados Unidos, fez uma paródia do vídeo.

No original, realizado pela Ogilvy & Mather Brasil, as mulheres perceberam que se descrevem de uma forma muito pior do que como realmente são vistas. Já nessa paródia bem humorada, a ala masculina leva uma “dica” para casa: Homens, vocês não são tão bonitos quanto pensam.

 Dá uma olhada:

 A brincadeira teve um timing muito bom e usou uma ação realizada em outro país, mas que viralizou rapidamente.

E aí, gostou?

Ler mais

Comemore o dia do ex-namorado: doe os objetos de quem você quer esquecer

O namoro acabou. Ele partiu. Ela se foi. Ficaram as lembranças, talvez a saudade, uma possível melancolia e, muitas vezes, objetos do(a) ex. E aí? Joga tudo no lixo?

Em uma campanha do Exército da Salvação, realizada pela WMcCann, a ideia é outra: “Que pena que acabou. Mas já que acabou, doe.

Já que os objetos do ex não têm mais utilidade e você quer mesmo se livrar daquilo, por que não doar para alguém que precisa? A ideia da campanha, para mim, foi fantástica: transforma o Dia do ex-namorado, 18 de abril, uma data que poderia ser muito triste, em uma boa oportunidade de ajudar os outros!

Dá uma olhada no vídeo da campanha:

 E já que é comum entre muitas pessoas expor sua intimidade no Facebook ainda mais quando termina um namoro e quer alfinetar o(a) ex com indiretas aleatórias, a campanha também inclui um aplicativo da rede social em que você pode queimar, virtualmente, suas fotos com o(a) ex e compartilhar com seus amigos.

 (Se essa moda pega, a Luane que não vai gostar.)

Além disso, na fanpage do Exército da Salvação, foram disponibilizadas imagens com frases bem humoradas ironizando o ex que também podem ser compartilhadas – sempre lembrando o “já que acabou, doe”.

Olhe algumas:

Gostei da campanha porque uniu a necessidade de aumentar doações ao dia do ex-namorado de forma bem criativa e utilizando várias mídias. E você, o que achou?

Dizem que ex bom é ex morto.
Acho melhor passarmos a dizer: ex bom é ex que, indiretamente, ajuda os que precisam.  🙂

Ler mais