Os EUA foram surpreendidos com um comercial perturbador contra as redes de fast-food, em especial o McDonald’s. Feito a pedido do Comitê de Médicos para a Responsabilidade da Medicina, o filme mostra um cadáver segurando um hamburger, indicando que aquele foi a causa da sua morte.

O comercial que traz o recado “Hoje a noite, vire vegetariano“, termina ironizando o slogan da empresa – “Eu amava muito tudo isso.” – e mostrando os seus arcos dourados:

O comercial conseguiu chocar, como queria.

A criação foi da entidade capitaneada por Neal barnard, ex conselheiro da PETA. E então?

Deixe seu comentário