Tem gente nova no Comunicadores! Preocupado em sempre trazer novidades e se renovar para oferecer o melhor conteúdo e referências aos leitores, o site está programando várias novidades. Uma delas sou eu, um novo colaborador para esse espaço.

Formado em publicidade e pós-graduando em jornalismo. Nerd assumido, viciado em informação, acumulador compulsivo de repertório e adoro escrever e compartilhar essas informações interessantes que consumo diariamente. Talvez você me conheça do blog Caco na Cuca – talvez nunca tenha ouvido falar. É lá que costumo falar sobre cinema, TV, design, ilustração, fotografia, comunicação e tudo o que gira em torno do mundo geek. Minha missão aqui é trazer um pouco mais de cultura pop com boas pitadas de nerdice para os leitores do Comunicadores e somar ao trabalho tão rico que os editores do site já fazem. Bora começar?

 

Os desenhos animados e games fazem parte da vida de qualquer criança e de muitos adultos. Em tempos de home vídeo e internet muitos dos nossos clássicos favoritos continuam vivos em nossa memória. Mas, e se nos dias de hoje eles não fossem mais exatamente como nos lembramos?

A ilustradora francesa Sylvain Sarrailh deu uma nova cara para os nossos queridos personagens. Em sua galeria online ela publicou a série BADASS, que imagina um futuro quase apocalíptico com uma abordagem mais realista e violenta dessas figuras. E não ficou por aí, Sylvain também criou uma história para explicar a situação de cada um.

 

Buzz Lightyear fez terapia para aceitar que é só um boneco de plástico e não um herói do espaço, mas ele tem pesadelos e convulsões que ativam suas armas, causando a morte de seus colegas da caixa de brinquedos.

O Inspetor Bugiganga nunca foi lá muito eficiente mas, depois de passar por upgrades, ele agora está equipado com bazuca, tasers e lança chamas; para os casos mais difíceis ele também está armado com um CD da Celine Dion.

Já em Patópolis as coisas ficaram difíceis para o Tio Patinhas, que perdeu toda a sua fortuna na atual crise mundial. Hoje ele planeja grandes assaltos a bancos e conta com os sobrinhos Huguinho, Zezinho e Luizinho em sua quadrilha de mercenários.

Confira a coleção e as descrições de cada ilustração no perfil da artista no DeviantArt.

Deixe seu comentário