Sempre quando me deparo com ações e campanhas sobre Alzheimer, percebo que elas são voltadas paras que as pessoas tenham uma pequena experiência do que sofrem pessoas diagnosticadas com essa doença neurodegenerativa.

O esquecimento de coisas simples do dia a dia, como o nosso número de telefone, é algo normal pois vivemos na correria. Mas quando esses esquecimentos se tornam mais frequentes, é bom já começarmos a prestar atenção.

O Banco Santa Fé também entrou na luta para levar informações, angariar doações e esclarecer sobre a doença e criou uma ação junto com a agência argentina Dhélet Y&R.

Na hora que os clientes iam fazer suas transações no caixa eletrônico, suas senhas naquele momento dariam incorretas, criando a sensação de esquecimento por alguns instantes.

Depois da terceira tentativa, uma tela revelava a ‘pegadinha’ e perguntava se gostariam de fazer uma doação.

 

Deixe seu comentário