Com o objetivo de promover a estreia na época do filme Batman Begins na TV2, a agência Saatchi & Saatchi da Austrália teve uma ideia simples porém genial.

Colaram adesivos com o símbolo do homem morcego nas luzes de chão que ficavam no chão do centro de Auckland.

Assim, quando eram acessas, se transformavam no famoso batsinal que é usado para chamar o herói.

Deixe uma resposta
Leia também

GasX | Desinflate

Nos dias de hoje, com as comidas rápidas e cada vez mais artificiais, as pessoas estão sofrendo com problemas de estômago, gazes, etc. Para divulgar o produto GasX, a agência Y&R do Equador, criou uma mala direta brincando com as batatas fritas de fast food, só que no lugar das batatas, foram colocados balõezinhos de gás e atrás da caixinha tinha uma amostra do produto. Centenas dessas malas foram distribuidas em diversas empresas do centro comercial de Quito. Foi uma idéia diferente para divulgar o produto de forma criativa e humorada. O que acharam? Iam gostar de ter recebido?

Exemplos do uso da holografia nos pontos de vendas

No ano passado mostramos, aqui no Comunicadores, uma ação de PDV utilizando uma promotora virtual. Era, de certa forma, uma holografia… E com certeza chamava a atenção de quem passava. Lembro de ter visto e me perguntando: quando esse tipo de ação chegará ao Brasil? Pois encontramos uma! Trata-se de uma ação para os Post-it da 3M, confira: Ao que parece, o uso desse tipo de tecnologia, está cada vez mais comum. Confira outros exemplos: Promotora holográfica em farmácia russa: Holografias informam passageiros em aeroporto de Londres: No aerporto London Luton, Holly e Graham (em referência a Hologram – “holograma”) informam aos viajantes quais são as normas e os procedimentos de segurança do aeroporto. A intenção é chamar a atenção de quem passa, e agilizar os processos. Até agora é legal ver isso. Mas será que, caso aconteça uma popularização do uso dessa tecnologia, vamos acabar cansando? Ou é uma daquelas coisas que é legal sempre? O que você acha?

Cabeças Frágeis

Você anda de bicicleta com capacete? Acha que não precisa usar, por que a bicicleta não causa riscos? Infelizmente você se engana. clique ampliar Para criar a consciência para o uso de capacete ao andar de bicicletas e motos, a Swiss, empresa que cuida da prevenção de acidentes na Suíça, junto com a agência Ruf Lanz Zurich-Switzerland, desenvolveram uma ação utilizando 200.000 ovos para demonstrar como é frágil a cabeça humana. clique ampliar Os ovos foram pintados com um rosto humano e distribuídos nas ruas, fazendo alusão à cabeça humana e que ela é muito frágil e deve ser protegida. A ação fez muitos ciclistas refletirem sobre essa verdade! Uma ação simples, mas que passa a mensagem. Pena que aqui no Brasil uma ação dessas pode até ter efeito, mas como o pessoal anda doido (principalmente nas motos – veja São Paulo) acho que a irresponsabilidade falará mais alto…–