Você vai em uma loja de doces comprar um mísero chocolate, e ao pagar, recebe uma nota fiscal. Normalmente o que você faz com ela? Joga fora ou guarda para doar a alguma instituição? Geralmente deixamos dentro da bolsa/carteira ou ela se perde, e na maioria das vezes vai para o lixo.

No Estado de São Paulo, por exemplo, toda compra gera um crédito que pode ser doado usando o cupom fiscal. Mas o processo é complicado principalmente para as ONGs, que precisam cadastrar manualmente cada cupom doado no site do programa da Nota Fiscal Paulista.

“Nem a melhor campanha de doação funcionaria nesse caso, pois não é um problema de comunicação, é um problema no processo de doação. Por isso fomos para o lado da tecnologia e criamos o nfscan”, diz Raphael Franzini, diretor de criação da Loducca.

O NFscan é um software que, através de uma foto do cupom fiscal, reconhece automaticamente os números necessários (CNPJ, número do cupom, data e valor) e envia a doação.

“A ideia é transformar o celular de cada um em uma urna de doação e, do outro lado, tirar da ONG o trabalho de digitação para cadastrar cada cupom no site do governo”, completa Franzini.cupom-nota

nfscan é grátis e de código aberto. Então, qualquer ONG pode usá-lo em seus próprios apps e sites. O primeiro a utilizar a tecnologia é o GRAACC, que depende de doações para manter seu hospital para crianças com câncer.

Se tratando de um software open-source, “do mesmo jeito que qualquer ONG pode usá-lo, esperamos que outros programadores também contribuam para a melhoria do software, e isso automaticamente vai beneficiar todas as ONGs que utilizam o nfscan”, comenta Paulo Almeida, arquiteto de sistemas da Loducca.

Realmente uma iniciativa louvável da agência, que com certeza pode ser disseminados para as centenas de (boas) ONG’s do nosso Brasil.

1 comentário
Deixe uma resposta
Leia também

Embalagens sinceras que mostram quantas calorias seus produtos possuem

Em um mundo onde todas as pessoas começam a dar mais atenção para…